X
18 de Agosto de 2018, 07:05

Autor Tópico: Rúben Dias (6)  (Lida 5036 vezes)

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #175 em: 15 de Maio de 2018, 22:50 »
RÚBEN DIAS NOS PRÉ-CONVOCADOS PARA O MUNDIAL


Citar
Fernando Santos divulgou na noite de segunda-feira a lista de 35 pré-eleitos, que será reduzida a 23 na quinta-feira, dia 17 de maio. O defesa-central do Benfica, Rúben Dias, recebeu uma excelente prenda no dia do 21.º aniversário. Nesta segunda-feira à noite, dia 14 de maio, o jovem soube que estava entre os 35 pré-convocados de Portugal para o Campeonato do Mundo que terá lugar na Rússia. Recordar que Rúben Dias já fizera parte dos convocados do selecionador nacional, Fernando Santos, para o duplo confronto particular com o Egito e Estados Unidos da América, sendo que uma lesão adiou a estreia pela Seleção Nacional.

Fernando Santos divulga os 23 finais na quinta-feira, dia 17 de maio. O Mundial realiza-se entre 14 de junho e 15 de julho.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/15/futebol-benfica-ruben-dias-pre-convocado-portugal-mundial-russia

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #176 em: 18 de Maio de 2018, 11:45 »
RÚBEN DIAS CONVOCADO PARA O MUNDIAL


Citar
Defesa-central do Benfica faz parte da lista final dos 23 eleitos por Fernando Santos. Já são conhecidos os 23 eleitos de Fernando Santos para o Mundial da Rússia. Rúben Dias faz parte da lista do selecionador de Portugal para a competição que terá lugar entre 14 de junho e 15 de julho.
Esta não é a primeira chamada à Seleção A, mas pode ser significar a estreia de Rúben Dias com a camisola da principal equipa das Quinas. A convocação para o Campeonato do Mundo surge cerca de dois meses depois da primeira chamada de Fernando Santos, que, a 15 de março, incluiu o defesa-central do Benfica na lista de convocados para os jogos de preparação frente ao Egito e à Holanda. A estreia "anunciada" acabou, no entanto, por não se concretizar.

Dois dias depois, em Santa Maria da Feira, Rúben Dias contraía uma entorse no tornozelo direito já na reta final do jogo do Benfica com o CD Feirense (27.ª jornada da Liga NOS), falhando, assim, os jogos de preparação para o Mundial de 2018. Um duro golpe dias antes daquela que poderia ser a estreia na Seleção principal, depois de Rúben ter capitaneado Portugal no Campeonato do Mundo de Sub-20 da FIFA em 2017 e no Campeonato da Europa de Sub-19 da UEFA em 2016. Dois meses depois, Fernando Santos volta a apostar em Rúben Dias, ele que se estreou nesta temporada pela equipa principal do Benfica e que foi, desde aí, aposta regular de Rui Vitória. Chegou ao final da época com 31 jogos – um total de 2781 minutos em todas as competições –, quatro golos e titularidade indiscutível.

Recorde-se que Portugal, Campeão Europeu em título, vai defrontar Espanha (15 de junho), Irão (20 de junho) e Marrocos (25 de junho) no Grupo B do Mundial 2018.

OS 23 CONVOCADOS DE PORTUGAL PARA O MUNDIAL 2018

Guarda-redes: Anthony Lopes, Beto e Rui Patrício;
Defesas: Cédric Soares, Ricardo Pereira, Pepe, José Fonte, Bruno Alves, RÚBEN DIAS, Raphael Guerreiro e Mário Rui;
Médios: William Carvalho, João Moutinho, João Mário, Manuel Fernandes, Adrien Silva e Bruno Fernandes;
Avançados: Bernardo Silva, André Silva, Gonçalo Guedes, Gelson Martins, Quaresma e Cristiano Ronaldo.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/17/futebol-benfica-ruben-dias-convocado-mundial-fernando-santos

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 11308
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #177 em: 18 de Maio de 2018, 14:30 »
Vai acabar o curso com os ensinamentos do Bruno Alves...
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

Rijokor

  • *
  • Mensagens: 3267
  • Vitória é um destino
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #178 em: 18 de Maio de 2018, 16:39 »
Parabéns Rúben, boa sorte.

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #179 em: 21 de Maio de 2018, 23:58 »
RÚBEN DIAS: "VENCER É PALAVRA DE ORDEM NESTA CASA"


Citar
O central do Benfica sente que se afirmou no Clube e no futebol português em 2017/18. Em entrevista exclusiva, conta como evoluiu, em que aspetos melhorou e enfatiza que os grandes "são os que ganham muitas vezes". "E nós somos um deles", afirma. No Clube desde os Infantis, Rúben Dias é, como o próprio diz em entrevista exclusiva, resultado de uma bandeira chamada Sport Lisboa e Benfica.
Para a BTV, o central de 21 anos (completados neste mês de maio) foi a revelação do Campeonato 2017/18. Fruto das boas atuações, o defesa mereceu fazer parte da lista final do selecionador nacional para representar Portugal no Mundial que se vai realizar na Rússia de 14 de junho a 15 de julho. Quando começou a época imaginava fazer 30 jogos na equipa principal, 24 deles no Campeonato, e ainda por cima com quatro golos, três deles na principal competição nacional?

Tenho como objetivo o sucesso. Não penso especificamente em números, mas sim no contexto geral. A palavra “sucesso” é que me interessa. Penso em fazer o meu trabalho e o que tiver de acontecer, acontece naturalmente.

Tem a expectativa de ser considerado, no primeiro ano de Benfica na equipa principal, a revelação do Campeonato?

No seguimento do que disse, não tenho essa expectativa. Acredito que fiz uma grande época, que foi de afirmação para mim. Estou muito feliz por isso. Se tiver de ser a revelação, que o seja com naturalidade devido ao que eu fiz. Claro que ficarei muito feliz.

Os objetivos que tinha para esta época foram superados?

Os objetivos estão no caminho que devem estar. Eu digo que não penso num determinado número de jogos porque, imaginando que não tivesse jogado tanto, mesmo assim poderia ter sido uma temporada de sucesso para mim, em que tivesse aprendido muitas coisas mesmo não jogando, porque isso acontece, especialmente num grupo como este. Não associo tanto os números ao sucesso, porque consigo ter sucesso sabendo o que é o meu trabalho. Eu sei o que faço e para onde caminho. Estreou-se a 16 de setembro de 2017, num Boavista-Benfica, no Estádio do Bessa. Quando é que percebeu que ia jogar de início nesse duelo?

Já foi bem tarde, perto do jogo. O Lisandro ia ser o titular, mas, se bem me lembro, acho que foi no almoço que ele se sentiu mal e aí eu apercebi-me que poderia eventualmente ser chamado. Não era um jogo fácil, os níveis de concentração subiram, a pressão começou-se a sentir, mas aconteceu tudo de maneira natural e de certa forma estava preparado.

Estava nervoso naquele momento?

Sim, é normal, mais pelas circunstâncias. Era um jogo fora, no Norte, complicado e isso aumenta esse nervosismo, mas, quando estamos confiantes no trabalho diário e na nossa postura, ultrapassa-se isso.

E a quem é que deu a notícia em primeiro lugar de que iria jogar?

Ninguém sabia, eu nunca partilho isso.

Nem com a família?

Não, porque naquele momento já era tarde. Se eu eventualmente souber um dia antes, no último treino antes do jogo, e se eu aí sentir que posso, chego a casa e se calhar digo, ou não, mas ali perto do jogo desligo completamente e não digo a ninguém. Claro que eles gostavam de saber, mas é uma coisa minha. Naquele momento sou eu, é o meu foco.

Como foi a conversa com o treinador Rui Vitória?

Foi um processo natural. O Lisandro não soube logo que estaria indisponível. Esperou-se até ao momento da decisão. Aconteceu tudo com naturalidade e isso foi importante. Foi difícil entrar no ritmo do principal escalão do futebol português?

É diferente. Antes de entrar na Liga, já treinava com o plantel principal e pude ir ganhando algum estofo. Apenas treinando sente-se logo a diferença de andamento.

O que é que mudou no Rúben entre esse jogo com o Boavista e este último com o Moreirense?

Em relação à minha atitude nada mudou. Evoluí, cresci e melhorei, mas os meus princípios para continuar a progredir são os mesmos.

Cresceu a jogar como central sobre a direita do eixo defensivo, mas fez a estreia sobre a esquerda, ao lado de Luisão. Mais tarde, quando fez dupla com Jardel, jogou sobre a direita. Esta adaptação foi fácil?

Sim. Tenho um número mais elevado de jogos como central pela direita, mas ao longo da formação sempre fui pisando dos dois lados. Senti-me confortável, nunca foi uma grande dificuldade jogar como central à esquerda.

Rui Vitória disse que foi feito um trabalho específico com Rúben Dias para que pudesse jogar sobre a esquerda do eixo e que se sentia muito satisfeito com o resultado. Como foi esse trabalho?

Foi uma decisão importante, porque me ajudou a preparar-me para aquele que poderia ser o meu ponto de entrada.

Jogar mais à direita ou à esquerda sobre o eixo muda muita coisa?

Muda, muda. O lado em que se joga está diretamente relacionado com o pé preferido, e só isso, na saída a jogar, já obriga a trabalho específico. Há outra coisa muito importante que é a noção do espaço, para onde se olha. A adaptação, mais fácil ou mais difícil, passa muito por aí. Como foi o entendimento com Luisão e Jardel? Foi importante tê-los ao lado nesta época de estreia?

Claro que ele sim. E o próprio Lisandro, tal como Samaris, que de vez em quando fazia a posição. Quando se tem ao lado jogadores com tanta experiência e tanta qualidade, é mais fácil para quem quer aprender e ser melhor jogador. Há uma série de pequenas coisas que no final fazem toda a diferença.

Quais foram os aspetos no seu jogo que mais melhorou?

Primeiro que tudo nunca tinha feito tantos golos. Esse foi um ponto em que melhorei bastante. Um fator muito importante que melhorei foi ao nível da comunicação, porque num estádio cheio, com tanto barulho, as pessoas não se ouvem como noutras ocasiões. Toda a gente diz que eu sempre fui um jogador comunicativo, e fui, porque tinha de ser. Se não tivesse sido, provavelmente não estaria onde estou hoje. Fui porque tinha de ser, porque precisava de ter sucesso e aquele era o meu método para controlar o que estava ao meu alcance e dessa forma ajudar a equipa ao máximo, sem nunca querer ir além daquilo que é o meu dever, o meu trabalho, sem nunca passar por cima do treinador. As pessoas dizem que foi muito importante melhorar a minha comunicação e eu sou o primeiro a concordar, mas não gosto que se esqueçam de que a comunicação que tinha antes era importante no contexto onde eu estava, era decisiva até.

Costuma rever os seus jogos para fazer autocrítica?

Sim, revejo e gosto de rever para tirar as minhas conclusões. Ao longo de 55 jogos pela equipa B na II Liga nunca marcou. Precisou de apenas 11 jogos na equipa principal para começar a marcar. O que é que mudou?

Desde os tempos na equipa B que comecei a forçar mais esse aspeto. A minha grande prioridade sempre foi defender, mas sei que é importante marcar golos, poder ajudar a equipa em momentos complicados, porque por vezes o jogo corrido não ajuda tanto e é preciso uma bola parada para decidir. Insisto nisso desde a equipa B, trabalhando bastante. E depois é uma questão de oportunidade e de crença também.

Marcou quatro golos, três deles na Liga, todos na sequência de pontapés de canto. Lembra-se bem deles?

Foram golos marcantes, especialmente o que fiz ao Rio Ave. Até comentei com os meus familiares e amigos mais próximos que aqui no Estádio, quando se vai para um canto, é diferente, porque sente-se o entusiasmo, um jogador parece que ganha força e altura, e isso também teve uma certa importância.

Os festejos como foram?

Emoção, felicidade… Tenho uma filosofia de vida que me faz levar as coisas de uma forma muito natural. Nos próprios festejos, por acaso nunca dedico o golo a ninguém, não sei se por me esquecer ou por princípio meu. É o jogo, estou focado e o que tiver de acontecer, acontece naturalmente. Sente que os colegas já o procuram nesses momentos de bola parada?

Não é tanto por aí. Existe um trabalho feito durante toda a semana e depende sempre do que for a estratégia do treinador.

Os quatro golos são para superar na próxima época, ou não pensa nisso?

Estou a pensar no dia de amanhã. Seja o que for que estiver feito, é sempre para superar, porque o caminho para melhorar é exatamente esse.

Depois de se afirmar na equipa principal do Benfica, começou-se a projetar a possibilidade de ser chamado pelo selecionador português para ir ao Mundial. Mais ou menos coincidente com esse período, a partir do jogo em Paços de Ferreira, iniciou-se uma campanha contra Rúben Dias, com comentários de pessoas ligadas a outros clubes dando conta de que é um jogador excessivamente agressivo. Como é que geriu emocionalmente a pressão externa? Como reage às críticas?

Quem me conhece sabe o tipo de jogador e de pessoa que sou. Se há coisa que sou quando jogo, e quando estou em campo, é honesto. Claro que sou agressivo, faz parte do meu dever, da minha posição, do jogador que quero ser, mas nunca com uma intenção de magoar, sempre com a intenção de jogar a bola. As pessoas por vezes levam para o lado que lhes convém. Diria que faz parte.

Não o afetou?

Não, não. Quando se chega a um certo nível, as pessoas tendem a puxar para onde lhes convém. Não posso ficar alterado. Diria que as coisas são assim mesmo. Que balanço faz da última época?

Sinto que me afirmei no Benfica e no futebol português. Deixei a minha marca. Já foi, há que pensar no vem a seguir.

O Benfica tinha outros objetivos, conseguiu apenas a Supertaça. O que é que se passou nesta temporada?

Não foi a época que todos esperávamos. Claro que ninguém sai totalmente satisfeito. No final acabámos por manter o segundo lugar, que também foi muito importante para o Clube, mas claro que não foi a temporada que esperávamos. No Benfica sempre fui habituado a vencer, é a palavra de ordem da casa. Mas isto é futebol, não se pode ganhar sempre. Nestes momentos, saber perder é importante, tal como saber aguardar pelo nosso momento, ter resiliência e manter o foco no sucesso. Nenhum clube do mundo ganha sempre. Muitos ganham muitas vezes, esses são os grandes e nós somos um deles.

Hoje em dia, na Formação do Benfica olha-se de maneira diferente para a equipa principal?

Respondo por mim: cada um olha como acha que tem de olhar, e aí está a grande diferença entre os que conseguem e não conseguem. Têm de olhar como objetivo, mas nunca como algo que seja atingível apenas com um mínimo de esforço. Nunca se pode pensar que é fácil nem dar nada como garantido. Pensar assim é um erro.

É neste momento uma bandeira da Formação do Benfica?

Não, não… Bandeira só há uma, é a do Benfica. Sou um jogador que resultou dessa mesma bandeira.

O Presidente tem uma presença muito próxima do plantel. É importante?

Sim, sem dúvida. Essa proximidade também facilita o nosso trabalho. Os adeptos querem voltar a festejar títulos rapidamente. O que é que pode dizer aos Benfiquistas, sem prometer, sobre o facto de o Benfica abordar a próxima temporada de forma diferente?

A única coisa que se pode prometer nestas alturas é trabalho e a vontade de querer voltar a ganhar. Nunca são missões fáceis, mas a nossa vontade é sempre ganhar, porque de outra maneira não estaríamos aqui.

De um ano para o outro, passou a ser uma estrela do futebol nacional. No dia a dia, consegue fazer o mesmo que fazia antes de ter esta projeção?

Não muda muito. Sou reconhecido mais vezes do que era, mas os hábitos mantêm-se. Em certas ocasiões é preciso tomar decisões mais inteligentes, como ficar em casa quando o momento assim recomenda.

Poder representar a Seleção Nacional e alinhar num Mundial é…

É o sonho de qualquer jogador, ainda para mais com a minha idade.

A OPINIÃO DE QUEM SABE E CONHECE Rúben Dias

HÉLDER CRISTÓVÃO (treinador do Benfica B)

“Uma época normal, natural para aquilo que vinha fazendo nas camadas jovens e mais precisamente na equipa B. O Rúben é um jogador que se foi preparando desde muito cedo para chegar muito bem a este patamar. Assim que houve oportunidade de jogar, nunca mais saiu. Tem a ver com a sua personalidade, mentalidade, com o seu grau de profissionalismo e tudo aquilo que foi sonhando enquanto miúdo. Se formos aos arquivos, vamos encontrar declarações dele, ainda com 10/12 anos, a dizer que queria chegar ao patamar mais alto, à equipa principal, e foi trabalhando para isso. É um jogador muito sério, rigoroso, muito exigente com ele mesmo, que vai ao pormenor para melhorar. Contagia quem está ao seu redor: mais, mais, mais… Comparo-o muito a Otamendi em termos de agressividade, dá tudo e contagia os colegas. O Rúben está completamente capacitado, faz uma entrega de bola limpa, consegue jogar entre linhas, consegue ser seguro no que faz. Auguro-lhe uma carreira fantástica.”

RICARDO ROCHA (ex-jogador)

“Uma época fantástica, mostrando o seu valor a cada jogo. Apesar da idade, aparenta ter muita experiência na maneira como aborda os lances. É um jogador duro, mas no bom sentido. Tem provado no Benfica que merece ser titular e ter uma oportunidade na Seleção. É forte na marcação, posiciona-se muito bem. Ainda é muito jovem, tem uma margem de progressão muito grande, o que é incrível, porque ele já se exibe a grande nível e ainda pode melhorar. Não é fácil um jogador com a idade dele ser titular numa equipa como a do Benfica e isso demonstra o trabalho que tem feito para o conseguir.”

PAULO MADEIRA (ex-jogador)

“Época positiva. É um jogador-revelação, deu nas vistas neste último terço do Campeonato. Estamos perante um central que, mais dia menos dia, vai-se afirmar também na Seleção Nacional, porque tem condições fantásticas: é bom no jogo aéreo, muito forte fisicamente e rápido. E depois tem uma particularidade que não é pelo treino que se vai lá: é autoritário. Seguramente, vai ser o patrão do futuro neste Benfica.”

EDMUNDO (ex-jogador)

“Uma época excelente no primeiro ano na equipa principal do Benfica e na I Liga. Quanto mais tempo passar e quantos mais jogos fizer, mais capacidade vai tendo. Atuando ao lado de jogadores como Luisão e Jardel, aprende com eles. É um jogador que vale na sua totalidade, pela presença física, rapidez, agilidade e inteligência a jogar.”

FERRO (central do Benfica B)

“Não tem sido uma surpresa para quem o acompanha desde muito novo. Sabe-se como ele é, como joga, disputa todos os lances como se fossem os últimos, não gosta de perder. Para quem o conhece, não é surpresa. Ele quer sempre ganhar, nos treinos e nos jogos, e isso acaba por fazer diferença. Disputar cada lance como se fosse o último é muito bom num jogador, principalmente num defesa. Como central, isso é muito importante. Nos duelos, não pode perder nenhum, é o último homem da defesa. Dizem que ele é muito agressivo… Ele tem de ser agressivo! Se não fosse, se calhar perdia lances e, sendo o último homem da defesa, a equipa pagava caro. Ele disputa os lances para ganhar, sempre! Nunca é na maldade, é sempre para ganhar.”

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/21/futebol-ruben-dias-benfica-entrevista-btv

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #180 em: 24 de Maio de 2018, 19:59 »
RÚBEN DIAS NA OPERAÇÃO MUNDIAL


Citar
Defesa-central do Benfica está na concentração da equipa das Quinas, na Cidade do Futebol. Em estreia nestas lides, o jovem trabalha para ser uma das primeiras opções de Portugal no Rússia 2018. Rúben Dias já se prepara ao serviço da Seleção Nacional, na Cidade do Futebol. O defesa-central do Benfica é um dos 23 eleitos por Fernando Santos para o Campeonato do Mundo que se vai realizar na Rússia de 14 de junho a 15 de julho.
Na terça-feira, os atletas começaram a chegar a conta-gotas à hora de almoço ao local de estágio. Ainda com muitas ausências, o benfiquista foi dos primeiros a comparecer na casa das Seleções Nacionais. O primeiro apronto teve lugar às 16h30.

Na quarta e na quinta-feira, os 14 jogadores já disponíveis treinaram às 11h00, com os primeiros 15 minutos a serem abertos à Comunicação Social. Aí, foi possível observar um Rúben Dias completamente integrado, concentrado e a dar tudo em cada lance para ser uma solução mais para Fernando Santos no Mundial 2018. Antes da viagem para solo russo, há três jogos de preparação frente a Tunísia (28 de maio), Bélgica (2 de junho) e Argélia (7 de junho), este último a ter lugar no Estádio da Luz, recinto uma vez mais escolhido para os portugueses se despedirem da Seleção. Já acontecera antes do Europeu de 2016, em França, que redundou no título europeu para a equipa das Quinas.

Rúben Dias, lembre-se, estreou-se pela equipa principal do Benfica na temporada 2017/18, terminando-a com um total de 31 jogos realizados e quatro golos apontados.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/24/futebol-benfica-ruben-dias-treinos-selecao-nacional-mundial-russia

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #181 em: 25 de Maio de 2018, 23:20 »
RÚBEN DIAS: “VOU SER MAIS UM PARA AJUDAR”


Citar
Central do Sport Lisboa e Benfica está na Cidade do Futebol, na concentração da Seleção Lusa que se prepara para o Campeonato do Mundo que se vai realizar na Rússia de 14 de junho a 15 de julho. A Seleção Nacional completa nesta sexta-feira, na Cidade do Futebol, o quarto dia do estágio de preparação que antecede a participação no Campeonato do Mundo Rússia 2018.
Rúben Dias, defesa-central do Benfica, é um dos 23 eleitos por Fernando Santos para a competição que se vai realizar de 14 de junho a 15 de julho.

Na conferência de Imprensa antes do apronto desta manhã, Rúben Dias falou aos jornalistas, mostrou-se orgulhoso e muito feliz por estar a viver aquele que é um “um momento de muita aprendizagem”.

"Para mim é um enorme prazer poder estar aqui e fazer parte da mesma equipa que estes colegas. É um momento de muita aprendizagem, poder ouvir os conselhos de jogadores tão experientes. Estou aqui de alma e coração para trabalhar. Vou ser mais um para ajudar", afirmou.

"Como é óbvio, acho que qualquer jogador português que esteja apto tem este objetivo. É um sonho concretizado, desde que iniciei o meu percurso nas seleções que o objetivo era chegar a este espaço. A partir daqui há que continuar a trabalhar jogo a jogo, para que o melhor esteja para vir", prosseguiu o jovem formado no Caixa Futebol Campus.

Antes da viagem para solo russo, há três jogos de preparação frente a Tunísia (28 de maio), Bélgica (2 de junho) e Argélia (7 de junho), este último a ter lugar no Estádio da Luz, recinto uma vez mais escolhido para os portugueses se despedirem da Seleção. Já acontecera antes do Europeu de 2016, em França, que redundou no título europeu para a equipa das Quinas.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/25/ruben-dias-benfica-declaracoes-selecao-nacional-russia-2018

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #182 em: 28 de Maio de 2018, 19:31 »
RÚBEN DIAS ESTREIA-SE NA SELEÇÃO A DE PORTUGAL COMO TITULAR


Citar
Defesa-central do Benfica utilizado de início por Fernando Santos frente à Tunísia, no primeiro de três testes para o Mundial 2018. Rúben Dias, defesa-central do Benfica, faz a sua estreia ao serviço da Seleção A de Portugal frente à Tunísia nesta segunda-feira, em Braga, no primeiro teste de preparação para o Mundial 2018.
Titularíssimo na equipa de Rui Vitória, Rúben Dias mereceu também a confiança de Fernando Santos e foi incluído no restrito lote de 23 convocados que vão representar Portugal no Campeonato do Mundo da Rússia, de 14 de junho a 15 de julho.

O jovem formado no Caixa Futebol Campus já tinha feito parte da lista do selecionador nacional, em março, para o duplo confronto particular com o Egito e Holanda, mas uma lesão acabou por adiar a estreia. Nesta segunda-feira, subiu ao relvado do Estádio Municipal de Braga para o seu primeiro jogo pela Seleção A de Portugal, envergando a camisola 13. "Como é óbvio, acho que qualquer jogador português que esteja apto tem este objetivo. É um sonho concretizado, desde que iniciei o meu percurso nas seleções que o objetivo era chegar a este espaço. A partir daqui há que continuar a trabalhar jogo a jogo, para que o melhor esteja para vir", disse aos jornalistas ao quarto dia do estágio da Seleção, ele que já capitaneou Portugal no Campeonato do Mundo de Sub-20 da FIFA em 2017 e no Campeonato da Europa de Sub-19 da UEFA em 2016.

Desde que começou o ano de 2018, o central de apenas 21 anos não descansou em nenhum jogo pelas águias, tendo somado 19 partidas – todas elas para a Liga NOS. Chegou ao final da época com 31 jogos – um total de 2781 minutos em todas as competições –, quatro golos e titularidade indiscutível.

No dia 9 de junho, após os particulares com a Bélgica (dia 2, em Bruxelas) e com a Argélia (dia 7, no Estádio da Luz), a Seleção Nacional viaja para a Rússia, onde tem estreia marcada frente à Espanha, em Sochi. Além dos espanhóis, Portugal defronta Marrocos a 20 de junho, em Moscovo, e o Irão, de Carlos Queiroz, no dia 25, em Saransk, nos restantes jogos do Grupo B do Mundial 2018, que termina em 15 de julho.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/28/futebol-ruben-dias-estreia-selecao-nacional-portugal

Tsoukalos

  • *
  • Mensagens: 6245
  • Legends Never Die...
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #183 em: 01 de Junho de 2018, 14:00 »
Se fizer um bom Mundial lá vai ele para a máquina de lavar dinheiro do M€nd€s/Vi€ira, aka Wolverhampton FC  :see:

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #184 em: 03 de Junho de 2018, 01:53 »
MILAN AVANÇA PARA RÚBEN DIAS


Citar
O Milan terá manifestado junto do Benfica a intenção de encetar negociações tendentes à contratação de Rúben Dias.

Adianta o portal Goal que o processo negocial, intermediado pela Gestifute, de Jorge Mendes, está ainda numa fase inicial.

Segundo a mesma fonte, a SAD encarnada não aceitará abrir mão do central de 21 anos por verba inferior a €40 milhões.

Rúben Dias, recorde-se, está ao serviço da Seleção Nacional com vista à participação na fase final do Campeonato do Mundo, na Rússia.

https://www.abola.pt/Nnh/Noticias/Ver/733546

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #185 em: 03 de Junho de 2018, 23:44 »
GATTUSO VAI À RÚSSIA PARA OBSERVAR RÚBEN DIAS


Citar
Gennaro Gattuso, treinador do Milan, prepara-se para viajar até à Rússia, onde irá decorrer a fase final do Mundial-2018, para observar Rúben Dias.

Como avançou a edição de papel de A BOLA, o clube italiano está a seguir atentamente as pisadas do jovem defesa-central, por quem o Benfica está a exigir 40 milhões de euros. Na Rússia, Gattuso terá, então, possibilidade de dar à direção do Milan o aval para as negociações avançarem, caso Rúben Dias seja opção de Fernando Santos nos jogos da Seleção.

Sob o olhar atento do técnico dos rossoneri estarão também outros alvos no mercado, segundo o Calciomercato: Fellaini, Tielemans, Werner e Falcao.

https://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/733737/40

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #186 em: 05 de Junho de 2018, 23:32 »
RÚBEN DIAS É O 6º DA ERA VITÓRIA A CHEGAR À INTERNACIONALIZAÇÃO


Citar
Sexto jogador das águias a ter minutos numa seleção principal. Rúben Dias conseguiu convencer o selecionador Fernando Santos, depois de se ter assumido como titular no Benfica, e ganhou uma vaga na convocatória para o Mundial, tornando-se no sexto jogador das águias a ter minutos numa seleção principal, desde que Rui Vitória assumiu o comando técnico. O central estreou-se recentemente, no particular de preparação para o Mundial, frente à Tunísia, e seguiu os passos de Renato Sanches, Nélson Semedo e Gonçalo Guedes (Portugal), Lindelöf (Suécia) e Keaton Parks (EUA), jogadores que atingiram as primeiras internacionalizações nas últimas três épocas.

Recorde-se que Jorge Jesus, homem que liderou os destinos do Benfica durante as seis temporadas anteriores a Rui Vitória, conseguiu ajudar à internacionalização de dez jogadores: André Almeida, Nélson Oliveira e Ivan Cavaleiro (Portugal), Ola John (Holanda), Javi Garcia (Espanha), Di Maria e Jara (Argentina), Jonathan Rodríguez (Uruguai), Melgarejo (Paraguai) e David Luiz (Brasil) estrearam-se pelas respetivas seleções numa altura em que eram treinados por Jesus. Vitória consegue assim uma média mais positiva do que o seu antecessor, a qual é alcançada, sobretudo, pela aposta nos jovens da formação, estratégia que é para manter.

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/benfica/detalhe/ruben-dias-e-o-6-da-era-vitoria-a-chegar-a-internacionalizacao.html

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 11308
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #187 em: 06 de Junho de 2018, 10:37 »
Vende Vieira, vende!
 :S
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

Rijokor

  • *
  • Mensagens: 3267
  • Vitória é um destino
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #188 em: 08 de Junho de 2018, 14:44 »
ao que parece nem vai calçar no mundial. Se nem ao Bruno Alves consegue passar a frente isso diz muito.

Tenho andado a pensar e este rapaz se calhar é dos piores centrais titulares que tivemos nos últimos anos.

Não é bom suficiente para titular no Benfica.

brunodiaslb

  • *
  • Mensagens: 3038
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #189 em: 08 de Junho de 2018, 15:07 »
ao que parece nem vai calçar no mundial. Se nem ao Bruno Alves consegue passar a frente isso diz muito.

Tenho andado a pensar e este rapaz se calhar é dos piores centrais titulares que tivemos nos últimos anos.

Não é bom suficiente para titular no Benfica.

Tens andado a pensar e essa opinião surgiu do além?
É dos piores centrais titulares que tivemos?! Queres uma lista?

Rijokor

  • *
  • Mensagens: 3267
  • Vitória é um destino
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #190 em: 08 de Junho de 2018, 17:21 »
Estou a falar dos titulares. Luisão, Jardel, Lindelof, Garay, David Luiz.

Nazgul

  • *
  • Mensagens: 34158
  • You, me and Devil makes three.
  • Awards: Vencedor Fantasy AVDA 2012/2013
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #191 em: 09 de Junho de 2018, 15:00 »
Para mim não é tão mau assim, é tipo um ricardo rocha e se tiver um BOM ao lado, pode perfeitamente passar.

"Um dos paradoxos dolorosos do nosso tempo reside no facto de serem os estúpidos os que têm a certeza, enquanto os que possuem imaginação e inteligência se debatem em dúvidas e indecisões."

Rijokor

  • *
  • Mensagens: 3267
  • Vitória é um destino
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #192 em: 10 de Junho de 2018, 14:16 »
É isso mesmo mas neste momento não temos um Luisão capaz de segurar isto. O Jardel também já não é jovem. Estou reticente com o futuro

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #193 em: 13 de Junho de 2018, 19:15 »
MIGUEL VÍTOR: "RÚBEN DIAS NO MUNDIAL É PROVA DE QUALIDADE E MATURIDADE"


Citar
Antigo central do Benfica valoriza a "grande época" do defesa formado no Caixa Futebol Campus. Formado no Benfica, Miguel Vítor, um central de raiz, tem conhecimento apurado sobre os terrenos que Rúben Dias pisa no retângulo de jogo. A chamada do defesa para servir Portugal no Mundial da Rússia é encarada como um certificado de qualidade.
"Rúben Dias fez uma grande época e tem estado num nível muito bom. A prova disso foi a convocatória para o Mundial, numa posição em que toda a gente diz que é preciso ter jogadores mais experientes. A chamada dele prova a qualidade e maturidade que tem demonstrado", analisou Miguel Vítor (na foto) em entrevista ao site "Maisfutebol".



"Fico muito contente por ver um jogador formado no Benfica, ainda por cima central, ter este êxito", salientou o defesa que fez o primeiro jogo pelas águias em 2007/08, lançado então por José Antonio Camacho, e que na última época se sagrou bicampeão em Israel pelo Hapoel Beer Sheva.

Rúben Dias estreou-se na equipa principal do Benfica em 2017/18, sob a orientação do treinador Rui Vitória, e rapidamente solidificou uma posição no eixo defensivo. A chamada à Seleção A portuguesa, pela qual já é internacional, aconteceu de forma natural. Miguel Vítor entende que o jovem criado e formado no Caixa Futebol Campus "vai evoluir cada vez mais".

"Toda a gente diz que um central atinge o topo das suas capacidades aos 27/28 anos, por isso, ele ainda pode evoluir muito e tornar-se melhor do que já é. Com os jogos, e a jogar ao lado de grandes centrais como ele está a jogar, vai evoluir cada vez mais", projetou o ex-jogador dos encarnados.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/06/13/futebol-ex-jogador-do-benfica-miguel-vitor-elogia-ruben-dias

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #194 em: 17 de Junho de 2018, 14:12 »
EVENTUAL SAÍDA DE RÚBEN DIAS ACAUTELADA


Citar
O Benfica fechou o eixo central da defesa, com a contratação de dois argentinos, Germán Conti e Cristian Lema, que está iminente.

Parece, pois, acautelada uma eventual saída de Rúben Dias, central português de 21 anos que está na Rússia ao serviço da Seleção Portuguesa, e que será o mais valorizado jogador do Benfica, pelo qual fez 30 partidas a titular em 2017/18. Luís Filipe Vieira, presidente das águias, referiu que vê no jogador o futuro capitão do Benfica, mas o mercado pode falar mais alto e uma oferta de 30 milhões de euros poderia ser suficiente para convencer o líder da SAD a abrir mão do futebolista, que é representado pela Gestifute de Jorge Mendes, capaz de negócios chorudos.

Com Conti e Lema está também encontrada a concorrência para Rúben Dias, se ficar na Luz, e Jardel, ficando a posição de Luisão ainda mais fragilizada, pois aos 37 anos terá de lidar com jogadores muito mais novos e acabados de chegar.
Ferro, central português de 21 anos da formação, parece perder definitivamente espaço na equipa principal.

https://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/735852/40

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #195 em: 24 de Junho de 2018, 01:12 »
RÚBEN DIAS: “É UM SONHO ESTAR AQUI”


Citar
O central do Sport Lisboa e Benfica projetou este sábado, em Kratovo, o terceiro encontro de Portugal no Grupo B do Mundial 2018, frente ao Irão. Portugal prepara o jogo com o Irão, o terceiro da Fase de Grupos (B) do Mundial da Rússia, uma partida agendada para segunda-feira, às 19h00, em Saransk. Em Kratovo, nesta manhã de sábado, Rúben Dias foi o escolhido para projetar o desafio e foi a voz da ambição da armada lusa.
"É um sonho estar aqui. Um sonho que virou realidade. Sem dúvida que está a ser uma experiência muito enriquecedora, partilhar com jogadores experientes e rotulados a nível mundial. O caminho ainda vai curto e queremos percorrer um caminho mais longo", disse o jogador mais novo da seleção neste Mundial 2018.

“Tem sido uma experiência muito enriquecedora partilhar o balneário todos os dias com os melhores jogadores portugueses. O Cristiano Ronaldo foi o melhor do mundo várias vezes, por isso o que eu quero é aprender ao máximo e continuar a crescer. O Cristiano é fortíssimo e mesmo nos treinos cria-nos muitas dificuldades. Eu tenho de fazer o meu trabalho e ele tem de fazer o dele. Tem sido um jogador muito importante, como os outros também têm, e cada um tem de dar o melhor para isto ser uma coisa coletiva. Ele tem feito as coisas bem, mas os outros também têm”, enalteceu de forma madura o jovem Rúben Dias.



“Há que estar aqui para ajudar, para criar um bom espírito de equipa e lutar pelo nosso país. Estou pronto para o que o selecionador quiser e só quero mesmo é ajudar a Seleção Nacional”, acrescentou o central das águias na sala de imprensa em Kratovo, quartel-general da seleção.

Portugal empatou na estreia com Espanha (3-3), venceu Marrocos (1-0) e mantém completamente intactas as expetativas de seguir para os oitavos de final do Mundial. Não obstante, as exibições da equipa lusa têm recebido algumas críticas…

“Receber críticas em cima de vitórias é sempre diferente. As pessoas criticam e são livres de dizer o que quiserem, mas se formos aos factos temos quatro pontos e estamos na liderança juntamente com a Espanha”, explicou de forma taxativa.

“Há sempre coisas a melhorar, como é óbvio, mas estamos no bom caminho. Temos agora um jogo decisivo e conforme o tempo for avançando vamos melhorar, mas estamos bem”, disse o central de 21 anos que foi suplente não utilizado na duas rondas disputadas.



Olhando para o próximo adversário…

“A forma de abordar o jogo vai ser querer ganhar. Nós queremos é ganhar, é a nossa fórmula! Já vimos jogos do Irão, já vimos outros jogos do Mundial e tudo isso permite perceber que não há jogos fáceis. Vamos ter de estar no melhor das nossas capacidades”, explicou.

“O fator ansiedade existe naturalmente. Somos a seleção campeã da Europa e queremos ir o mais longe possível neste Mundial. Por isto ser um Campeonato do Mundo, o fator ansiedade é relativo. É uma questão natural. À medida que a competição for avançando a ansiedade vai baixando e a confiança vai aumentando”, finalizou Rúben Dias.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/06/23/ruben-dias-benfica-declaracoes-mundial-russia-selecao-nacional

Rijokor

  • *
  • Mensagens: 3267
  • Vitória é um destino
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #196 em: 27 de Junho de 2018, 11:00 »
Será que ele é tão mau que nem consegue meter o Fonte no banco ou é o mesmo que lhe aconteceu aqui no Benfica entre ele e o Luisão?

gaudenzi

  • *
  • Mensagens: 8930
  • Rumo ao #36
  • Awards: User do ano 2012
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #197 em: 27 de Junho de 2018, 11:57 »
Será que ele é tão mau que nem consegue meter o Fonte no banco ou é o mesmo que lhe aconteceu aqui no Benfica entre ele e o Luisão?

Nem o Rúben Dias é assim tão bom, nem o Fonte tão mau como o Luisao...

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #198 em: 27 de Junho de 2018, 23:49 »
RÚBEN DIAS SERÁ AUMENTADO SE NÃO SAIR


Citar
Rúben Dias, defesa-central português de 21 anos da formação do Benfica, pode deixar o clube ainda este verão, mas nunca antes do termo da participação portuguesa no Campeonato do Mundo da Rússia.

De acordo com informações apuradas por A BOLA, o cenário de transferência do futebolista está em cima da mesa da SAD, que tem conhecimento de que há interessados com capacidade financeira para fazer frente às exigências, que nunca serão inferiores a €30 milhões.

A cláusula de rescisão de Rúben Dias está fixada nos €45 milhões, mas Luís Filipe Vieira e seus pares até poderão abrir mão do internacional português por verba inferior, face à necessidade de fazer elevado encaixe financeiro imediato. Rúben Dias, até pela presença no Mundial, parece o ativo mais importante da SAD neste momento, combinando uma boa temporada (30 jogos a titular) e o estatuto de internacional português. Sabe também A BOLA que não há, para já, diligências em curso tendo em vista o encerramento de um negócio, respeitando a presença do futebolista representado pela Gestifute de Jorge Mendes na Rússia, mas no final da competição o processo pode avançar.

A alternativa, também séria, para o jogador é continuar na Luz, mas esse panorama envolverá sempre, garantem ao nosso jornal, um aumento de ordenado significativo, dado que Rúben Dias tem dos mais baixos salários do plantel, o que é entendido como pouco compatível com a importância que tem na equipa de Rui Vitória.

Noventa mil euros brutos anuais em salários serão, pois, multiplicados se o jogador de quem Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, afirmou poder ser capitão de equipa do futuro permanecer de águia ao peito.

https://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/737481/40

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 13745
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Rúben Dias (66)
« Responder #199 em: 02 de Julho de 2018, 23:33 »
«RÚBEN DIAS É O FUTURO DE PORTUGAL»


Citar
À chegada da Rússia, depois da eliminação de Portugal no Mundial-2018, Bruno Alves, central do Rangers, elogiou Rúben Dias, quando questionado sobre o futuro da Seleção Nacional.

«Portugal tem grandes defesas, temos aí o Rúben Dias, é o futuro de Portugal, e agora cabe ao Selecionador continuar ou mudar, não sabemos o que vai acontecer, mas quem vier vai estar sempre disponível para representar o nosso País», afirmou Bruno Alves no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa.

Depois de uma temporada de afirmação (30 jogos, quatro golos), Rúben Dias foi uma das surpresas de Fernando Santos na convocatória para o Campeonato do Mundo. Rúben Dias foi um dos jogadores que não foram utilizados.

https://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/738298/40

 

TinyPortal © 2005-2012