X
10 de Dezembro de 2019, 04:24

Autor Tópico: Varandas Fernandes, Vice-Presidente  (Lida 971 vezes)

SLB_Fanatic

  • *
  • Mensagens: 25222
  • "... nunca encontrou rival neste nosso Portugal! "
Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« em: 05 de Março de 2015, 13:19 »

Nome: João Varandas Fernandes
Cargo: Vice-Presidente
Nº de Sócio: 69.993
Nacionalidade: Portugal (Sabugal)
Data de Nascimento:



Citação de: abola.pt
Vice-presidente acusa FC Porto de condicionar arbitragens

João Varandas Fernandes, vice-presidente do Benfica, entende haver motivos para se instaurar um inquérito às declarações de responsáveis do FC Porto sobre as arbitragens, denunciando a «tentativa de pressionar» os homens do apito na reta final do campeonato.

«A Comissão de Instrução e Inquéritos [da Liga] devia proceder à abertura de um inquérito por estas tentativas que, no meu entender, têm por trás algum condicionamento. Assiste-se a uma censura constante, que posso intitular como forma de pressão, de tal forma acentuada nos últimos tempos na arbitragem, que muitas das vezes os dirigentes acabam por entrar em contradição. Não é uma situação muito habitual no FC Porto e no seu presidente», comentou o dirigente na Renascença.

«Há uns tempos dizia-se que só as pessoas menos inteligentes, para não dizer os burros, é que falam de arbitragem. Agora todos falam», constatou, prosseguindo em tom acusatório:

«Existe uma tentativa de pressionar os árbitros neste terço final do Campeonato, provavelmente para tentar conseguir fora de campo o que está a ser difícil dentro das quatro linhas».

João Varandas Fernandes não tem dúvidas de que, «sem interferências externas», o Benfica vai sagrar-se bicampeão nacional esta época.

«Temos equipa, Direção e treinador que auguram coisas positivas para todos nós», sublinhou.
« Última modificação: 07 de Abril de 2016, 13:46 por SLB_Fanatic »
YOU'LL NEVER WALK ALONE

SLB_Fanatic

  • *
  • Mensagens: 25222
  • "... nunca encontrou rival neste nosso Portugal! "
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #1 em: 07 de Abril de 2016, 13:27 »
Citação de: record.pt
Varandas Fernandes: «Capela 'reservado'? Não entro nesse jogo de palavras
"Vice" dos encarnados rebate declarações de Octávio Machado


O vice-presidente do Benfica, Varandas Fernandes, rebateu esta quinta-feira as críticas de Octávio Machado feitas em declarações a Record, nas quais o diretor para o futebol do Sporting, afirmou que o árbitro "João Capela dá toda a tranquilidade" aos encarnados, deixando a "sensação que estava 'reservado'" para o jogo com a Académica.

"É inconcebível que os árbitros estejam constantemente debaixo de fogo e de suspeição. Não é de facto correcto e haverá aí uma certa tentação muito pouco original de proteger os árbitros que de facto, acaba por ter um resultando contrário, resultado de restrições e acho que será assim até ao fim do campeonato", começou por dizer Varandas Fernandes em declarações à Rádio Renascença, frisando:

"João Capela 'reservado' para este jogo? Não há interferência nenhuma do Benfica. Nunca houve. O que eu penso é que a responsabilidade dessas declarações é unicamente de quem as proferiu. O Benfica é uma instituição de maior crédito a nível nacional e internacional e eu não entro nesse jogo de palavras", afirma o alto dirigente das águias, em entrevista a Bola Branca.

O vice-presidente dos encarnados comentou ainda as declarações de Octávio Machado sobre Renato Sanches, marcando o que considera ser o que distingue os dois clubes: "Da minha boca ou de qualquer benfiquista, não houve depreciações de atletas que praticam futebol noutros clubes. O Renato Sanches é um jovem que está a afirmar-se, tem ainda um caminho longo a percorrer. Tem dado um contributo muito positivo à equipa. Em relação a todos os atletas de clubes adversários, aprecio mas obviamente que não tenho de depreciá-los, muito menos compará-los."
YOU'LL NEVER WALK ALONE

assusboy

  • *
  • Mensagens: 8633
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #2 em: 07 de Abril de 2016, 21:45 »
Falou bem, aposto que nunca mais o deixam falar... :rir:

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 13783
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #3 em: 09 de Abril de 2016, 00:22 »
Este foi "comprado" pelo Trolha!
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

SLB_Fanatic

  • *
  • Mensagens: 25222
  • "... nunca encontrou rival neste nosso Portugal! "
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #4 em: 09 de Abril de 2016, 10:28 »
A jogada de mestre que o fez vencer as últimas eleições foi ter metido este e o Moniz na sua lista.
YOU'LL NEVER WALK ALONE

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 13783
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #5 em: 09 de Abril de 2016, 11:25 »
A jogada de mestre que o fez vencer as últimas eleições foi ter metido este e o Moniz na sua lista.

O que o faz ganhar as eleições é a pobreza de espírito dos que votam nele, nada mais do que isso.
As pessoas não pensam, são autênticos animais encarneirados!
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #6 em: 15 de Abril de 2018, 23:34 »
VARANDAS FERNANDES: “RESPEITAMOS OS ADVERSÁRIOS E SABEMOS RECEBER”


Citar
O vice-presidente do Benfica falou uma hora antes do clássico e apelou ao fair play entre todos os intervenientes no jogo grande entre águias e dragões. Fair play e bom ambiente em torno do clássico com o FC Porto. Estas foram as ideias fortes transmitidas por Varandas Fernandes, vice-presidente do Benfica, em palavras dirigidas à BTV, cerca de uma hora antes da partida referente à 30.ª jornada da Liga NOS.
“Respeitamos os nossos adversários e o desporto em geral. O Benfica é um clube – pelo passado e pelo presente – que tem gosto em receber os adversários. Esse gosto é feito de uma forma clara, simples e humilde. Respeitamos todos os nossos adversários, gostamos de receber bem, e este é mais um jogo de futebol, é disto que se trata. Este jogo vai decidir-se dentro das quatro linhas e, obviamente, que dentro deste contexto o que eu espero é que o resultado seja favorável ao meu clube. Isto não retira em nada a nossa ambição, a nossa vontade de ganhar, o respeito pelos nossos adversários e o nosso saber receber”, disse o vice-presidente, em declarações à BTV.

“Espero que seja um bom espetáculo de futebol, com fair play, respeitando todos os intervenientes. Que as pessoas mais importantes deste jogo sejam os jogadores e, com isto, quero dizer que aquele que jogar melhor e merecer é o que deve sair vitorioso. Faço votos para que seja o meu clube de sempre a sair, mais uma vez, com a vitória”, desejou Varandas Fernandes.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/04/15/varandas-fernandes-vice-presidente-benfica-declaracoes-classico-fair-play

Rebelde

  • *
  • Mensagens: 26233
  • Awards: Vencedor Predictor 2015/2016Vencedor Predictor 2012/2013
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #7 em: 16 de Abril de 2018, 18:02 »
A nível de saber receber somos muito bons, até os deixamos ganhar
Rumo ao 38!

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 13783
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #8 em: 17 de Abril de 2018, 08:54 »
Este Varandas era o tal opositor que de repente (com um cargo na Direcção) virou apoiante.
Podia ter feito o mesmo...
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #9 em: 17 de Abril de 2018, 14:55 »
VARANDAS FERNANDES: «É RUI VITÓRIA QUE NOS VAI LEVAR AO PENTACAMPEONATO»


Citar
Vice-presidente do Benfica confiante na luta até à última jornada. Não é a derrota frente ao FC Porto no domingo que desmotiva Varandas Fernandes e o faz deixar de pensar no tão desejado pentacampeonato. Em declarações à Rádio Renascença, o vice-presidente do Benfica sublinhou a confiança em Rui Vitória.

"É bicampeão nacional. Rui Vitória é uma pessoa extraordinária, um grande treinador. Para mim, não há a mínima dúvida. Acredito que é ele que nos vai levar ao penta. É o treinador ideal para o Benfica e não tenho nada de fazer críticas sobre a tática ou as substituições... Não tenho de fazer qualquer comentário acerca dessa matéria", afirmou.

E prosseguiu, sublinhando que "tudo pode acontecer" até ao final da época. "Toda a gente viu o que se passou no domingo e acredito que o Benfica tem possibilidade de discutir o título de campeão até à última jornada. Acho que é isso que vai acontecer".

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/benfica/detalhe/varandas-fernandes-e-rui-vitoria-que-nos-vai-levar-ao-pentacampeonato.html

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #10 em: 17 de Abril de 2018, 15:06 »
«CAMPEONATO DESENROLA-SE COM ATAQUES SUCESSIVOS AO BENFICA»


Citar
Varandas Fernandes, vice-presidente do Benfica, escusa-se a falar de uma ação concertada dos rivais, mas salienta que o campeonato tem decorrido com ataques constantes ao clube.

«Temos visto um Campeonato a desenrolar-se com ataques sucessivos ao Benfica, aos árbitros que intervêm nos jogos do Benfica, a membros da Direção, ao presidente do clube, à estrutura... Isso é o que temos assistido. Se existe uma ação concertada, é uma coisa deplorável», referiu Varandas Fernandes, em entrevista à Renascença.

O dirigente também falou ainda sobre ataques internos: «Quando houver eleições, quem quiser ser candidato que se candidate, mas agora parece-me errado estar a assistir a divergências entre sócios que são reconhecidamente benfiquistas.»

A finalizar, garantiu união: «A Direção está unida, o clube está a trabalhar, com uma estrutura muito sólida. Por isso creio que estão reunidas todas as condições para esperarmos o melhor.»

http://www.abola.pt/Clubes/Noticias/Ver/726163/40

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #11 em: 01 de Maio de 2018, 23:58 »
VARANDAS FERNANDES: "NÃO É UMA DERROTA QUE NOS DEITA ABAIXO"


Citar
Vice-presidente do Benfica fala sobre o momento atual e, em entrevista à Antena 1, sublinha que no Clube se trabalha para novas vitórias. O resultado negativo registado pelo Benfica na receção ao Tondela na 32.ª jornada da Liga NOS (2-3) teve como consequência objetiva o alargamento do atraso para a liderança da prova, com o desejado Penta a escapar do horizonte.

O momento gera tristeza entre os Benfiquistas, mas Varandas Fernandes, vice-presidente do Clube, garante: “Não é uma derrota que nos deita abaixo.”
“Quem está na Direção do Benfica e trabalha numa estrutura tão profissional como a do Clube são pessoas de diálogo, que conversam, que debatem nos sítios certos, nas alturas próprias, não são pessoas que estão de costas voltadas”, disse Varandas Fernandes, em entrevista à Antena 1.

“O Benfica é um clube que traz diariamente preocupações, projetos e muito trabalho. As pessoas estão todas imbuídas num espírito de trabalho e de tornar o Benfica maior, com mais vitórias. Não é uma derrota que nos desanima. Deixa-nos tristes, é certo, não era isso que desejávamos, mas não é uma derrota que nos deita abaixo”, frisou o vice-presidente das águias.

Varandas Fernandes lembrou ainda a vasta e longa obra de Luís Filipe Vieira: “É um presidente que tanto tem dado, tanto tem trabalhado pelo Benfica e tantas horas tem dedicado ao Clube. Não se pode avaliar as coisas de uma forma emotiva. O que conta é os sócios participarem e estarem presentes na vida do Benfica. Todos sabemos que temos sócios muito responsáveis e que amam tanto o Benfica como a Direção ama.”

A respeito do treinador Rui Vitória, o vice-presidente deixou um lembrete: “Não se esqueçam de que ele é Bicampeão Nacional. Temos o máximo respeito por ele. Tem feito um trabalho extraordinário no Benfica”, assinalou Varandas Fernandes.

“Rui Vitória é uma pessoa que sempre foi respeitada no Clube, como ele sempre respeitou todos os Órgãos e Sócios do Benfica. Temos uma relação de confiança com Rui Vitória e uma satisfação enorme por ele ser nosso treinador”, completou o responsável diretivo.

Varandas Fernandes fez ainda uma referência a Luisão: “Está no Benfica há mais de uma década, é o capitão da equipa principal – e com isto digo tudo sobre o nosso sentimento em relação ao Luisão. É um atleta que inspira respeito e que merece o nosso respeito.”

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/01/vice-presidente-benfica-varandas-fernandes-entrevista

Ragazzo 1904

  • *
  • Mensagens: 6013
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #12 em: 01 de Maio de 2018, 23:59 »
Chupa-pilas do ##!
Chove? Faz Frio? Faz Calor? Que importa? Nem que o jogo seja no fim do mundo, entre as neves das serras ou no meio das chamas do inferno...
Por terra... Por mar... Ou pelo ar, eles ai vão OS ADEPTOS DO BENFICA atrás da equipa... Grande... Incomparável... Extraordinária... MASSA ASSOCIATIVA!

É ESTA A MÍSTICA DO BENFICA!

pirralho92

  • *
  • Mensagens: 9971
  • Avante, avante p'lo Benfica!
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #13 em: 03 de Maio de 2018, 20:32 »
Que nojo de discurso.

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #14 em: 04 de Maio de 2018, 17:30 »
VARANDAS FERNANDES: "ESPERAMOS UM BOM RESULTADO NO DÉRBI"


Citar
"É importante estarmos sempre a ganhar, sempre em cima, em primeiro lugar. Quando não é possível, aquilo a que aspiramos é sempre melhor", disse o vice-presidente do Benfica na véspera da visita ao rival Sporting. Em véspera de dérbi, o vice-presidente Varandas Fernandes salienta que o Benfica quer sempre mais e mostra-se otimista para o jogo em casa do rival Sporting às 20h30 de sábado, enquadrado na 33.ª e penúltima jornada da Liga NOS.
“É importante estamos na Liga dos Campeões, como é importante estarmos na Europa. É importante estarmos sempre a ganhar, sempre em cima, em primeiro lugar. Quando não é possível, aquilo a que aspiramos é sempre melhor. Nenhum Benfiquista está satisfeito com os resultados que a equipa infelizmente tem vindo a ter, mas obviamente para amanhã [sábado] esperamos um bom resultado”, afirmou Varandas Fernandes em entrevista à TSF.

Sobre Rui Vitória, o vice-presidente reitera que o treinador é “extraordinário” e credor do máximo respeito, lembrando que o mesmo conduziu a equipa à conquista dos últimos dois títulos nacionais.

“Não adianta estar a criticar o treinador, isso não acrescenta nada de positivo. No final se fará o rescaldo e a reflexão sobre o que foi a época. Rui Vitória é um treinador extraordinário, Bicampeão Nacional no Benfica. Merece respeito. E tem provado que também tem respeito por todos os órgãos sociais do Benfica, o que é uma coisa importantíssima”, assinalou.

“Rui Vitória tem contrato e o Benfica premeia normalmente a estabilidade. Julgo que será isso, dentro dos contornos normais, que será estabelecido”, afirmou ainda o vice benfiquista.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/04/benfica-varandas-fernandes-vice-presidente-entrevista-derbi-sporting

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #15 em: 05 de Maio de 2018, 00:23 »
VARANDAS FERNANDES: «É IMPORTANTE ESTARMOS NA LIGA DOS CAMPEÕES»


Citar
Vice-presidente encarnado acredita em bom resultado. O vice-presidente João Varandas Fernandes acredita num "bom resultado no dérbi". "É importante estarmos na Liga dos Campeões, como é importante estarmos na Europa. É importante estarmos sempre a ganhar, sempre em cima, em primeiro lugar. Quando não é possível, aquilo a que aspiramos é sempre melhor", começou por dizer em declarações à TSF, citadas pelo site do Benfica.

O dirigente encarnado abordou a situação de Rui Vitória, "um treinador extraordinário, que foi bicampeão nacional pelo Benfica e por isso merece respeito" e relegou para o final da época o tempo para balanços: "Não adianta estar a criticar o treinador, isso não acrescenta nada de positivo. No final se fará o rescaldo e a reflexão sobre o que foi a época".

De acordo com Varandas Fernandes, Vitória "tem provado ao longo do tempo em que está no Benfica respeito pelos orgãos sociais". "É algo importantíssimo que para mim é uma mais-valia. Em todos os momentos as pessoas não são perfeitas. Se falhou aqui ou acolá, não sou a pessoa indicada para o estar a dizer neste momento. Sei que o resultado não nos agradou e nenhum de nós ficou satisfeito com isso", vincou, lembrando que o técnico ribatejano "tem contrato e que o Benfica premeia normalmente a estabilidade".

Já sobre o anúncio de candidatura de Rui Gomes da Silva, o 'vice' das águias lamentou que "seja numa altura destas": "Vamos jogar a Alvalade, a duas jornadas do campeonato, mas as pessoas são livres de fazer o que entenderem, respeitando as pessoas."

http://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/benfica/detalhe/varandas-fernandes-e-importante-estamos-na-liga-dos-campeoes.html

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #16 em: 08 de Maio de 2018, 23:14 »
VARANDAS FERNANDES: "VIMOS DE UMA DÉCADA DOURADA, NENHUM BENFIQUISTA TEM MEMÓRIA CURTA"


Citar
Declarações exclusivas do vice-presidente do Benfica ao Site Oficial sobre alguns dos temas mais quentes do momento. Em declarações exclusivas ao Site Oficial, o vice-presidente Varandas Fernandes lança um olhar crítico sobre alguns dos assuntos mais quentes da atualidade desportiva, entre os quais o processo sumaríssimo instaurado a Rúben Dias. Este caso "é mais uma evidência da dualidade de critérios que tem sido vista ao longo de toda a temporada, com prejuízo óbvio na maioria das vezes para o Benfica".
A uma jornada do fim da Liga NOS, que leitura faz do momento desportivo do Benfica?

Estamos no fim da temporada e estes dias são de mobilização para encerrarmos o Campeonato com uma vitória no nosso Estádio perante o Moreirense, quando o segundo lugar ainda está em aberto e é uma possibilidade. Pela ambição que nos caracteriza e distingue, queremos sempre fazer mais em todas as frentes e ganhar todos os anos, mas infelizmente, em face de várias circunstâncias, esta época não terá o desfecho que todos pretendíamos.

No entanto, nenhum Benfiquista tem memória curta. Todos sabemos que vimos de uma década dourada, com inúmeras conquistas no futebol profissional. No panorama nacional ganhámos tudo o que havia para ganhar: Campeonatos, Taças de Portugal, Supertaças e Taças da Liga. Tudo! Mais: no plano internacional chegámos a duas finais da Liga Europa e, também neste período, atingimos os quartos de final da Liga dos Campeões por duas vezes. Não vamos agora pôr tudo em causa só porque nesta época não conseguimos o que queríamos e, com isso, apagar tudo o que foi feito e alcançado numa época dourada, das melhores de sempre da história do Clube. Após o dérbi do último sábado, a Comissão de Instrutores da Liga, por mote próprio, resolveu instaurar um processo sumaríssimo a Rúben Dias por causa de um lance protagonizado com Gelson Martins. Que comentário lhe merece esta iniciativa?

Permita-me que fale primeiramente de Rúben Dias. É um defesa criado nas escolas do Sport Lisboa e Benfica, competitivo, mas que não tem comportamentos violentos. O atleta não merece ser tratado da forma como tem vindo a ser tratado. O que se passou com esta decisão de abrir um processo sumaríssimo é só mais uma evidência da dualidade de critérios que tem sido vista ao longo de toda a temporada, com prejuízo óbvio para o Benfica. Assistimos a uma série de outros lances em diversos jogos em que intervieram jogadores dos nossos adversários que não mereceram o mesmo tipo de tratamento e de atuação no capítulo da disciplina. Lamentamos que assim seja. O Rúben está a ser perseguido de forma vergonhosa, tendo como objectivo único atingir o SL Benfica… Se o Rúben merece ser castigado, o que se dirá do jogo agressivo praticado por Rui Patrício, Mathieu, Coates ou Fábio Coentrão sobre os nossos atletas?

Nos últimos dias foi atribuída aos adeptos do Benfica a entoação de cânticos menos apropriados num estádio de futebol. Como encara este episódio?

O Benfica é, e sempre foi, um clube que preza os valores e os princípios da ética desportiva. Devemos combater a apologia do ódio e contribuir para a defesa dos valores desportivos. A liberdade de expressão não implica ódio, pelo contrário deve ter dignidade. Condenamos tudo o que seja pela violência, em qualquer clube e em qualquer campo, seja qual for a modalidade. No entanto, também lamentamos, e isto é factual, que nos festejos dos nossos adversários o que ouvimos predominantemente são cânticos a ofender o Benfica, dirigentes, Sócios e adeptos.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2017_2018/05/08/benfica-vice-presidente-varandas-fernandes-entrevista-site-oficial

Rebelde

  • *
  • Mensagens: 26233
  • Awards: Vencedor Predictor 2015/2016Vencedor Predictor 2012/2013
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #17 em: 09 de Maio de 2018, 11:18 »
Lá vem o típico argumento dos benfiquistas não terem memória curta... Só faltava referir o Vale e Azevedo mais uma vez.

Eu apenas queria que algum dos dirigentes do Benfica viesse falar um pouco do planeamento que fizeram para esta época e se acham que fizeram tudo que estava ao seu alcance para atingirem o penta. Se possível, justificando o porquê.
Rumo ao 38!

Teodoro

  • *
  • Mensagens: 13783
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #18 em: 09 de Maio de 2018, 12:50 »
Este gajo era "opositor" do Trolha vigarista. O outro ofereceu-lhe um tacho na direcção, passou a apoiante...
Fé é não querer saber a verdade - Friedrich Nietzsche

SLB_Fanatic

  • *
  • Mensagens: 25222
  • "... nunca encontrou rival neste nosso Portugal! "
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #19 em: 02 de Agosto de 2018, 18:41 »
Citação de: slbenfica.pt
Seis questões e um desafio em nome da transparência
O Sport Lisboa e Benfica iniciou esta quinta-feira um novo modelo de encontros com a Comunicação Social. Em conferência de Imprensa, o vice-presidente Varandas Fernandes explicou tudo.


O Sport Lisboa e Benfica promoveu, esta quinta-feira, a realização de uma conferência de Imprensa, com o vice-presidente Varandas Fernandes a ser a voz da instituição, isto num novo modelo de encontros com a Comunicação Social que assim se inicia. Foram deixadas seis questões e um desafio...

"Abrimos hoje uma nova fase nos contactos do Sport Lisboa e Benfica com os media. Teremos aqui no futuro este novo modelo de encontros, que visa dar a conhecer aos milhões de sócios, adeptos e simpatizantes do Benfica a posição do clube sobre os temas que consideramos mais relevantes. Vai ser também uma oportunidade para divulgar e promover as principais iniciativas do Universo Benfica. O modelo destes encontros é simples: farei uma intervenção inicial, com os temas principais e depois estarei ao dispor dos senhores jornalistas para responder às perguntas que queiram fazer", começou por dizer, dando o mote e explicando o modelo.

"Trago-vos hoje dois temas. Em primeiro lugar, um breve ponto de situação deste início de nova época no futebol e restantes modalidades. Vou abordar em segundo lugar um conjunto de questões que consideramos da maior relevância para a defesa da transparência no futebol português", revelou, passando de pronto ao tema inicial.

"Para o Benfica, esta época é a época da reconquista. O presidente Luís Filipe Vieira já teve oportunidade de referir que queremos regressar rapidamente ao ciclo de vitórias no futebol e reforçar a nossa hegemonia competitiva. Nos últimos cinco anos, ganhámos quatro títulos de campeões nacionais. No mesmo espaço de tempo, em vinte títulos em disputa conquistámos doze, enquanto, entre os nossos rivais, um deles só conseguiu três e o outro dois", disse Varandas Fernandes, reiterando o mote.

De seguida, o vice-presidente olhou para a estrutura da instituição. O caminho foi longo, mas hoje este Benfica é um exemplo.

"Temos uma situação financeira robusta, boas perspetivas económicas para as operações no Universo Benfica e uma estrutura técnica consolidada na equipa de futebol. A pré-época foi planeada no sentido de preparar este ciclo muito exigente que agora se abre: o acesso à Champions League e o campeonato da Primeira Liga. É reconhecido o esforço realizado para reforçar o plantel, num processo naturalmente sujeito a alguns acertos, porque o mercado está ainda aberto, mas a base está consolidada", revelou.

"Acentua-se a aposta feita na política de reforços: dar prioridade à integração de jogadores vindos da formação. E é com alegria que já vemos à porta da equipa principal uma nova geração de talentos formada no clube, como se pôde comprovar no recente Campeonato Europeu de Sub-19. Portugal conseguiu uma conquista histórica, protagonizada por um coletivo notável, ao qual cinco jogadores do Benfica deram contributo relevante: Nuno Santos, Florentino Luís, João Filipe, José Gomes e Mesaque Dju. E naturalmente seriam mais, se o João Félix e o Gedson não se encontrassem já a trabalhar com a nossa equipa A. À Seleção Nacional de Futebol Sub-19 – atletas, corpo técnico, corpo clínico, funcionários e dirigentes – os nossos parabéns!", apontou o vice-presidente, enaltecendo a Formação made in Caixa Futebol Campus.

Do Futebol, Varandas Fernandes passou então a fazer um ponto de situação das Modalidades do Clube e do Benfica Olímpico.

"Também nas modalidades de pavilhão e Benfica Olímpico a estratégia é clara no sentido de reforçar as equipas para conquista dos títulos, ao mesmo tempo que se investe cada vez mais na formação de jovens atletas", revelou inicialmente.

"Como ao longo dos últimos anos temos provado, a estratégia de aposta na formação não é incompatível com o sucesso desportivo. Antes pelo contrário, é virtuosa a combinação dos nossos jovens talentos com os jogadores de créditos firmados que vamos contratando em Portugal e no estrangeiro. É assim que formamos equipas estáveis e asseguramos uma continuidade de bons resultados desportivos: vencemos no presente e garantimos o futuro", afirmou, elogiando novamente o caráter formativo do ecletismo das águias.

“Outro grande destaque desta nova temporada é o elevado reforço da aposta nas equipas femininas. O Benfica vai ter novas equipas femininas no futebol, andebol e voleibol. Desta forma cumprimos um dos objetivos da nossa Direção: teremos equipas femininas no futebol e em todas as modalidades de pavilhão", disse.

Em jeito de resumo do primeiro tema em análise, a confiança e a ambição são o mote…

"Em síntese, a preparação da nova época obedeceu a uma rigorosa estratégia de consolidação e afirmação de um Benfica ganhador, que lutará pela vitória em todas as competições em que participa", afirmou taxativamente.

Terminada a análise à primeira temática, Varandas Fernandes iniciou a segunda, isto num momento em que o arranque da época oficial se aproxima e faltam dez dias para o início do Campeonato.

"Com a época a arrancar, a uma semana do nosso primeiro jogo de campeonato, trago à reflexão e a debate um segundo tema para este nosso encontro. Ao longo da época passada, viveu-se em Portugal um ambiente asfixiante. Assistimos a uma guerrilha permanente, com o propósito evidente de condicionar os agentes desportivos e em particular a arbitragem. Esse estado de coisas tem de acabar. Para que tal aconteça e as coisas mudem, em defesa da transparência e da verdade, algumas questões devem ser esclarecidas, antes de o Campeonato ter início no dia 10 de agosto", começou por dizer.

"Em defesa da transparência e da equidade desportiva no futebol, levantamos seis questões e lançamos um desafio junto das instâncias responsáveis pelo desporto e por esta indústria tão importante em Portugal. Dirigimo-nos, sobretudo, à Federação Portuguesa de Futebol e à Liga Portugal, entidades que detêm o mandato exclusivo para organizar, gerir, regulamentar e monitorizar as competições, inclusive através dos seus órgãos jurisdicionais", atirou, passando a enumerar...

Questões

1.ª Qual o ponto de situação das investigações à invasão ao centro de treinos dos árbitros na Maia? Já passou tempo de mais sem os necessários esclarecimentos. Prevalecem as dúvidas e o caso parece esquecido, sob um manto de silêncio e opacidade. Nós não esquecemos.

2.ª Qual o ponto de situação sobre as queixas apresentadas por vários árbitros em relação às ameaças que sofreram e que também visaram as suas famílias e os seus bens? Também aqui um manto de silêncio cobre o caso.

3.ª Qual a explicação da Liga Portugal para que na época 2017/2018 não se tenham cumprido os regulamentos na realização da segunda parte do jogo Estoril-Futebol Clube do Porto? Para quem já se esqueceu – porque há quem queira fazer esquecer estas coisas –, o jogo foi retomado 37 dias depois. Nunca se percebeu esta decisão e, para que coisas como esta não se repitam, a Liga deve dar explicações.

4.ª Como se explica que o relatório de perícia feito pela Federação Portuguesa de Futebol, sobre a recente divulgação pública de contratos de jogadores do Sport Lisboa e Benfica, tenha sido publicado num blogue? O documento nunca foi recebido aqui no clube, pelo que é evidente que não foi no Benfica que a fuga teve origem.

5.ª Reconhecendo e assumindo a Liga Portugal e a Federação Portuguesa de Futebol a existência de fragilidades e falta de segurança no sistema de troca de correspondência sobre contratos que circulam entre os seus serviços, uma pergunta se impõe: porque será que só há fugas para a praça pública de contratos do Benfica, e sempre em blogues reconhecidamente associados a outros clubes? No mínimo, é coincidência a mais...

6.ª Como se justificam o silêncio e a total inação da Liga Portugal e da Federação Portuguesa de Futebol diante do crime de acesso indevido e divulgação de correspondência privada por parte de um clube em relação a outro, seu concorrente direto nas competições que a Liga e a Federação gerem e regulamentam? Já existem decisões do Tribunal Administrativo do Porto e da Entidade Reguladora para a Comunicação Social sobre esta matéria. Este silêncio não se compreende e é insustentável, ainda mais quando se percebe que há quem queira prosseguir neste tipo de práticas.

Posto isto, "é mais do que tempo de clarificar posições face a comportamentos que criaram um ambiente de enorme pressão sobre as equipas de arbitragem. É mais do que tempo de assumir atitudes que de forma clara defendam a indústria do futebol, diante de factos que merecem reprovação pública e reclamam respostas claras dos responsáveis institucionais", afirmou de forma taxativa Varandas Fernandes.

Desafio

"Nos últimos anos, decerto como manobra de diversão para disfarçar erros e fraquezas próprias, foram alguns tecendo o mito de que o Benfica dominaria as principais estruturas do futebol português. Pois bem: convidamos a Liga Portugal, a Federação Portuguesa de Futebol e respetivos órgãos, incluindo os da justiça desportiva, e também o Tribunal Arbitral do Desporto a publicar nas suas páginas todo o percurso profissional dos seus dirigentes e dos seus quadros. Identificando claramente os clubes onde já trabalharam e exerceram funções. E assumindo cada um a sua preferência clubística, caso exista. Transparência total, para escrutínio total", lançou.

"Estamos certos de que será um contributo decisivo para se acabar com a falsa propaganda de que o Benfica controla as principais instâncias do futebol nacional. Quem não deve, não teme. Vamos a isso!", concluiu o vice-presidente do Sport Lisboa e Benfica.
YOU'LL NEVER WALK ALONE

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #20 em: 12 de Setembro de 2018, 14:22 »
VARANDAS FERNANDES: “DECISÃO CONTRÁRIA À LEI E DESAJUSTADA”


Citar
O vice-presidente do Benfica reagiu à interditação do Estádio da Luz por um jogo decidida pelo Conselho de Disciplina da FPF. "A cada dia que passa, percebemos melhor esta dualidade de critérios que está a ser aplicada", apontou. O vice-presidente do Benfica Varandas Fernandes, em declarações ao programa “Bola Branca” da Rádio Renascença, reagiu ao castigo de um jogo à porta fechada no Estádio da Luz aplicado pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.
“Se não for revogada esta decisão, vamos recorrer para o Tribunal Arbitral do Desporto. Se ainda assim não for revogada, o Benfica vai ainda mais longe e acionará todos os meios legais ao seu dispor com vista a reverter esta decisão que, no nosso entender, é contrária à lei e é desajustada. Não pode haver dois pesos com duas medidas”, afirmou Varandas Fernandes.

“É um exagero, é uma anedota. O Benfica, quando é atacado, defende-se respeitando a lei e de forma ajustada. É um Clube com muita história, pergaminhos e já deu muito ao País. O Benfica tem sido atacado de forma inexplicável e injusta”, completou.



A decisão do Conselho de Disciplina diz respeito ao jogo entre o Estoril e o Benfica da época passada no Estádio António Coimbra da Mota, partida cuja responsabilidade de organização recaía sobre os estorilistas.

“A organização do jogo competia ao Estoril SAD. Tinham de assegurar a segurança, a vistoria, a inspeção. Competia ao Estoril SAD e não ao Sport Lisboa e Benfica. Num primeiro momento não houve atraso; num segundo momento houve, de facto, um atraso de 40 a 45 segundos que coincidiu com o nosso segundo golo. Este é um dos motivos que levam à proposta de punição”, explicou.

O castigo aplicado às águias levou Varandas Fernandes a recordar outros casos noutros estádios que passaram incólumes.

“Eu só lamento é que haja situações noutros jogos. Vejo invasões, agressões, arremesso de tochas… e não vejo acontecer nada”, lembrou.

Para o vice-presidente há uma diferença de tratamento por parte das instâncias do futebol português em relação ao Benfica e a outros emblemas.

“A cada dia que passa, percebemos melhor esta dualidade de critérios que está a ser aplicada. O desafio que lançámos mantém-se num manto de silêncio. Nem Federação, nem Liga fazem a identificação das preferências clubísticas dos seus representantes, diretores e dirigentes”, apontou.



O Benfica foi o primeiro clube que milita na Liga NOS a construir uma caixa de segurança no seu Estádio, aspeto que revela a preocupação do Clube para com o bem-estar dos adeptos, situação que, na altura, levantou muita polémica.

“Quando se montou a caixa de segurança houve muita polémica e crítica ao Benfica por colocar uma rede ou uma caixa de segurança. Respeitando as regras internacionais, esse era o caminho e um investimento de forma a melhorar a segurança dos jogos no nosso Estádio. Na altura fomos muito censurados. Não quero estar a mentir, mas julgo que fomos o primeiro clube em Portugal a fazer essa caixa de segurança. Nunca nos demitiremos das responsabilidades que temos para com o futebol português e vamos continuar a combater todas as injustiças de que estamos a ser alvos”, assegurou.

https://www.slbenfica.pt/pt-pt/agora/noticias/2018-2019/09/12/clube-benfica-varandas-fernandes-reacao-bola-branca-interdicao-estadio-luz

Nazgul

  • *
  • Mensagens: 35537
  • You, me and Devil makes three.
  • Awards: Vencedor Fantasy AVDA 2012/2013
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #21 em: 12 de Setembro de 2018, 14:51 »
Mas agora tb tudo é motivo para castigar o benfica?

"Um dos paradoxos dolorosos do nosso tempo reside no facto de serem os estúpidos os que têm a certeza, enquanto os que possuem imaginação e inteligência se debatem em dúvidas e indecisões."

gaudenzi

  • *
  • Mensagens: 9389
  • Rumo ao #36
  • Awards: User do ano 2012
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #22 em: 12 de Setembro de 2018, 22:15 »
Mas agora tb tudo é motivo para castigar o benfica?

Mais uma da saga o Benfica manda nisto tudo...  :ler:

XibinhaSLB

  • *
  • Mensagens: 21574
  • Ano da "Reconquista"
  • Awards: User do Ano 2017
Re: Varandas Fernandes, Vice-Presidente
« Responder #23 em: 02 de Maio de 2019, 15:35 »
Varandas Fernandes: «Conquista do campeonato seria uma vitória da verdade desportiva»


Citar
Vice-presidente do Benfica garante que "2012/2013 não é um fantasma". O vice-presidente do Benfica, Varandas Fernandes, garante que "2012/2013 não é um fantasma", mas lembra que "nada está ganho ainda". Em declarações à 'RR', o digirente encarnado apela ao apoio de todos os benfiquistas nas "três finais que faltam", referindo que a conquista do título "seria uma vitória da verdade desportiva".

"Deixo o forte apelo para as três finais que faltam. Nada está ganho ainda. 2012/13 não é um fantasma, mas ainda faltam três jogos e só no fim é que saberemos se vamos ser campeões, ou não. Temos de ser realistas e temos os pés assentes na terra. Nada está ganho, e estou a fazer um apelo para uma grande mobilização dos benfiquistas. O campeonato seria uma vitória da verdade desportiva, e é esse o nosso desejo", sublinhou Varandas Fernandes.

Clube indignado com castigo a Vieira.

O dirigente do Benfica referiu ainda que o clube deverá tomar uma atitude, na sequência do castigo de três meses de suspensão aplicado ao presidente, Luís Filipe Vieira.

"Isto é muito sério e preocupante, comparativamente a outras decisões. Os órgãos próprios do Benfica estão a analisar a questão, os conteúdos e os argumentos, mas digo, o nosso sentimento de revolta e indignação é tão extenso que existem um conjunto de cenários a ser refletidos, que implicam uma atitude do Benfica. Temos observado um acentuar de todos os problemas do nosso futebol, e a nossa decisão será comunicada oportunamente", referiu o vice-presidente dos encarnados.

O clube da Luz garante que suspensão não vai criar "algum foco de distração" nesta fase da época.

https://www.record.pt/futebol/futebol-nacional/liga-nos/benfica/detalhe/varandas-fernandes-conquista-do-campeonato-seria-uma-vitoria-da-verdade-desportiva?ref=Benfica_BucketDestaquesPrincipais

 

TinyPortal © 2005-2012